10 profissões em alta e com grande procura em 2022

Sem dúvida que a pandemia da COVID-19 revolucionou por completo todas as rotinas do quotidiano, dando origem a profissões em alta e com grande procura, sobretudo nas áreas da Tecnologia e Marketing Digital.

Embora estas duas áreas estivessem em crescimento antes da pandemia, a sua evolução acentuou-se nos últimos dois anos. Contudo, existem outras áreas, como é o caso da Saúde, que também verificaram uma grande procura de recursos humanos.

Mas antes de saber quais serão as 10 profissões em alta e com grande procura em 2022, é importante saber como serão as profissões do futuro.

Como é que serão as profissões no futuro?

De acordo com o estudo Projetando 2030 da Dell Technologies para o Institute For The Future, que contou com a participação de 3800 CEOs de médias e grandes empresas de 17 países, 85% dos trabalhos em 2030 serão totalmente diferentes daqueles que encontramos atualmente.

Apesar do estudo ser uma previsão, e tal como foi dito, a pandemia da COVID-19 veio impulsionar o crescimento digital e, por consequência, o vocabulário de algumas áreas e profissões.

10 profissões em alta e com grande procura em 2022

Se mudar de carreira passa pelos seus horizontes, então descubra quais serão as 10 profissões em alta e com grande procura em 2022:

1. Técnicos de Marketing Digital integram as profissões em alta e com grande procura em 2022

Uma vez que, durante a pandemia, as lojas físicas foram obrigadas a fechar, houve a necessidade de apostar na comunicação digital, algo que permaneceu até à atualidade. Por isso, as empresas sentem a necessidade de terem técnicos de Marketing Digital para reforçarem a sua presença positiva no mundo online.

2. Criadores de Conteúdo Digital

Dado que as redes sociais foram um dos principais motores do entretenimento durante o confinamento por causa da COVID-19, houve um boom de criadores digitais a surgir. Assim, e como estratégia de Marketing Digital, as marcas apostam cada vez mais nos criadores de conteúdo nas mais diversas plataformas, tais como TikTok, YouTube, Instagram ou blogs.

3. Profissionais de E-Commerce

De acordo com os dados do Barómetro CTT E-Commerce, o comércio eletrónico cresceu cerca de 80% em Portugal nos últimos 2 anos. Além disso, especialistas do LinkedIn indicam que a procura por profissionais deste setor está a crescer cerca de 73% por ano.

4. Business Development

Com a pandemia, as empresas enfrentaram desafios nunca antes enfrentados. Por isso mesmo, tornou-se essencial contar com a ajuda de business developers, para ajudarem no desenvolvimento dos negócios.

De acordo com vários dados, esta profissão registou um crescimento de 45% entre 2019 e 2020.

5. Web Developers

Na sequência do crescimento dos negócios online, é necessário criar a tecnologia para montar todo este sistema. Como tal, é necessária mão de obra especializada, isto é, web developers.

Desde Full Stack Developers a Frontend Developers, existem diversos profissionais que ajudam a compor um sistema online. Assim, não é de estranhar que a procura por estes engenheiros cresceu 25% de 2019 para 2020, e a estimativa é que este número continue a aumentar.

6. Inteligência Artificial, uma das profissões em alta e com grande procura atualmente

Atualmente, a Inteligência Artificial (IA) já está a ser aplicada em vários setores de negócio, ajudando no seu desenvolvimento. Como tal, há uma grande necessidade de contar com técnicos especializados para acompanhar este crescimento.

7. Cientista de Dados

Desde 2019 que a procura por estes profissionais cresceu cerca de 46%. Porquê? Porque as empresas e organizações, independentemente da sua escala, precisam cada vez mais de dados para guiar os seus negócios.

8. Especialista em cibersegurança, uma das profissões mais bem pagas da atualidade

Uma vez que existem cada vez mais pessoas ligadas ao mundo digital, existem mais preocupações com a segurança dos seus dados. Como tal, esta acaba por ser uma das profissões mais procuradas e, consequentemente, uma das mais bem pagas. Afinal, este é o responsável por avaliar e corrigir potenciais vulnerabilidades dos sistemas, para que se mantenham seguros.

9. Enfermeiros

Por motivos óbvios, a procura por estes profissionais cresceu durante a pandemia, e continua até à atualidade. Afinal, são a peça central dos sistemas de saúde em vários âmbitos, como por exemplo, no pré-hospitalar ou nas instituições de apoio social.

10. Profissionais da Educação

O sistema de ensino como o conhecíamos sofreu alterações durante a pandemia da COVID-19. Por isso mesmo, escolas e universidades repensaram a forma como se organizam, surgindo novas formas de ensinar, como é o caso do ensino à distância. Nesse sentido, a procura de profissionais para este setor tem crescido.

Como estar preparado para as profissões em alta e com grande procura na atualidade?

No caso do digital, as áreas da programação, da Inteligência Artificial (IA) ou a ciência de dados são as grandes apostas. Nesse sentido, um curso de programação com formação intensiva, como o que a Wild Code School oferece, é uma mais-valia na procura de emprego.



Escrito por

Índice