Como Recusar Uma Oferta De Emprego​

Escrito por:

Tiago Cardoso
Como Recusar Uma Oferta De Emprego​

Recusar uma oferta de emprego de maneira cortês é fundamental para manter uma boa relação com a empresa e preservar possíveis oportunidades futuras.

Neste artigo, irá encontrar algumas dicas para o fazer de forma eficaz.

1. Sê proativo

Este passo é crucial. Quando estamos à procura de um emprego, é fundamental respeitar o tempo da empresa. Informar a empresa o mais rápido possível é essencial. Caso contrário, a empresa terá que avançar com outro candidato, e se demorar a dar essa informação, estará a retirar tempo e esforços desnecessários à empresa.

Esperar até ao último minuto para informá-los de que está a recusar a vaga de emprego pode causar desconforto ao empregador. Portanto, é melhor não adiar o envio da notícia, tanto para o seu bem quanto para o deles.

2. Informe o motivo da recusa de emprego

Após uma criteriosa seleção de candidatos, a empresa ofereceu-lhe uma posição. Simplesmente recusar a oferta sem uma razão não será suficiente. É imperativo ser honesto sobre os motivos que levaram à decisão de não se juntar à empresa.

Se estiver a recusar por questões pessoais, como cuidar de um familiar doente, não tem obrigação de partilhar esses detalhes. No entanto, é recomendável fornecer alguma explicação para evitar deixar uma má impressão.

Por outro lado, se recebeu outra oferta de emprego mais atrativa em termos de remuneração ou adequação ao seu perfil, é justo comunicá-la à empresa. Dependendo do interesse deles em contratá-lo, podem considerar aumentar a remuneração oferecida ou oferecer-lhe outro cargo dentro da organização.

É importante destacar que a empresa valorizará a sua honestidade, independentemente da razão da recusa. Fornecer uma justificação para não aceitar a oferta é mais profissional do que rejeitá-la sem explicação.

3.Demonstre apreço

O empregador dedicou horas à revisão da sua candidatura, histórico profissional, referências e a consultar colegas sobre a possibilidade de integrá-lo na equipa. Após este processo, é natural que a maioria dos candidatos se sinta satisfeita ao receber uma oferta de emprego.

É necessário transmitir esse mesmo apreço na sua carta de rejeição ou e-mail, a fim de preservar a sua reputação ao rejeitar a oferta da empresa. Inicie o seu e-mail ou carta expressando gratidão à equipa pelo tempo dedicado e pela oferta de emprego.

Além disso, considere partilhar as aprendizagens adquiridas durante o processo de entrevista, o que pode auxiliar o gerente de contratação a tomar decisões informadas e a compreender como os candidatos percebem a empresa e os seus colaboradores.

Ao partilhar a sua gratidão na carta de rejeição, está a demonstrar à empresa que encarou a oferta de emprego com seriedade, mesmo ao recusá-la.

4. Proteja futuras oportunidades de networking

É frequente encontrar-se com as mesmas pessoas ao trabalhar numa indústria específica. Por essa razão, mesmo que a empresa não esteja a contratá-lo neste momento, é importante manter uma ligação aberta com eles para possíveis oportunidades de networking no futuro.

Ao recusar a oferta de emprego, comunique à empresa o seu interesse em colaborar num momento posterior. Considere adicionar o entrevistador ao LinkedIn e reiterar o seu apreço pela cultura da equipa e da empresa.

Dica: Proteger futuras oportunidades de networking com uma empresa é igualmente relevante no caso de surgirem contratempos com o empregador que o está a recrutar atualmente. Manter a empresa que está a recusar como uma opção de “backup” para o futuro é aconselhável.

Exemplo de e-mail para recusar uma oferta de emprego

Abaixo encontrará um exemplo de email para recusar uma oferta de emprego que podes usa para começar a escrever a sua carta de rejeição ou email:

Exemplo de e-mail para recusar uma oferta de emprego