fbpx
Como Reconhecer Fraudes Causadas por Anúncios de Emprego Falsos
Ofertas de Emprego Falsas

Já se questionou se um anúncio de emprego online é real ou falso? Às vezes, pode ser difícil reconhecer, pois, a fraude online está a tornar-se cada vez mais comum e os métodos cada vez mais sofisticados. Neste artigo, explicamos como poderá reconhecer anúncios de emprego falsos e como se proteger de fraudes.

O que é uma Oferta de Emprego Online Falsa?

Uma oferta de emprego falsa é exatamente o que parece: um anúncio de emprego anunciado para algo que nem sequer existe. Frequentemente, esses empregos são particularmente atraentes, já que o número de inscrições é particularmente alto e muitos dados podem ser coletados. Porque é exatamente isso que os burlistas procuram: a coleta de dados.

Os Motivos Mais Comuns para Anúncios de Emprego Falsos

  1. Avaliação do Mercado de Trabalho: Se uma empresa deseja substituir um funcionário, por exemplo, ele pode usar um anúncio de emprego falso para avaliar o mercado de trabalho e ver quantos candidatos adequados existem. As expetativas salariais e qualificações também podem ser identificadas.
  2. Coleta de Currículos: Alguns empregadores aproveitam os recursos de propaganda falsa na Internet para coletar currículos que reservará para futuras vagas devido à aposentadoria ou posições emergentes na empresa.
  3. Criação de Listas de Endereços de E-mail: Atualmente, os endereços de e-mail são dados valiosos que podem ser usados ​​para alcançar potenciais clientes com facilidade. Por esse motivo, os endereços de e-mail são coletados através de candidaturas a anúncios de empregos falsos, que, em última instância, são usados ​​para anunciar a venda de serviços ou produtos.
  4. Crime: A chamada fraude de pré-pagamento é uma das formas mais comuns de crime cibernético através de anúncios de emprego falsos. Os burlistas exigem, por exemplo, pagamentos antecipados para formações profissionais dos candidatos. A burla mais grave é o roubo de identidade, no qual os burlistas exigem que os candidatos das suas ofertas de emprego enviem uma foto dos seus cartões de identidade ou forneçam todos os dados pessoais para ter acesso a contas bancárias, por exemplo.

As Várias Formas de Anúncios de Emprego Falsos

Cair em anúncios de emprego falsos é mau por vários motivos, porque não só pode acontecer de fazer um trabalho pelo qual não é pago, mas, na pior das hipóteses, os seus dados serem roubados e mal utilizados. 

[su_note note_color=”#ff7883″]Assim que os burlistas têm as suas informações privadas, eles podem fazer o que quiserem com elas.
[/su_note]

As Formas Mais Comuns nas Fraudes de Anúncios de Emprego Falsos

  1. Ofertas de emprego por e-mail de supostos recrutadores.
  2. Anúncios falsos de emprego nas redes sociais, como o Facebook.
  3. Anúncios de emprego falsos de empresas aparentemente reais, cuja identidade é mal utilizada.
  4. Anúncios falsos em sites de empregos online confiáveis, como o LinkedIn.

Como Detetar Ofertas de Empregos Falsos

Para que o roubo de dados através de anúncios de empregos falsos não lhe aconteça, reunimos algumas dicas importantes que pode usar para identificar fraudes rapidamente. Isso permite que diferencie entre ofertas de emprego reais e falsas e proteja os seus dados pessoais.

1 – Bom Demais para Ser Verdade

Claro, às vezes não é fácil encontrar um bom emprego, especialmente com tanta oferta na Internet. No entanto, deve levar a sério o conhecido ditado “bom demais para ser verdade” ao procurar um emprego. Aqui estão algumas indicações de que o trabalho é bom demais para ser verdade:

  • A Empresa Aborda-o e Não o Contrário: É claro que é possível que seja contactado por um recrutador respeitável, mas deve ficar em alerta o mais tardar quando uma empresa contacta-o sem motivo aparente.
  • A Remuneração Está Acima da Média: Se os ganhos estão acima da média ou as condições parecem muito tentadoras, deve ficar em alerta.
  • Consegue o Emprego Sem Esforço: Após uma breve entrevista por telefone, e-mail ou online, o suposto empregador oferecerá-lhe o emprego imediatamente. Este procedimento também é muito atípico e indica um anúncio de emprego falso.

2 – Requisitos e Descrições Imprecisas do Trabalho

Os burlistas que colocam anúncios de empregos falsos online tentam parecer sérios através de descrições de empregos. Geralmente, as informações são relativamente absurdas e simples demais, de modo que quase todos seriam qualificados para a posição. Esses requisitos podem incluir: deve ter 18 anos, ser cidadão português e ter acesso à Internet.

Muitas vezes, os anúncios falsos não mencionam o conhecimento necessário ou a experiência profissional.

3 – E-mails não Profissionais

Alguns burlistas prestam atenção especial ao bom estilo de redação dos seus e-mails, mas, principalmente, pequenos erros podem ser descobertos. Acima de tudo, a grafia é um bom meio de diferenciar ofertas de emprego reais de falsas, porque qual empresa contrata recrutadores que não dominam essas regras simples?

Os sinais óbvios de e-mails de burlistas incluem:

  • Erros de maiúsculas e minúsculas.
  • Erros de pontuação.
  • Erros gramaticais.

4 – Inconsistências na Presença online do Entrevistador

Antes de iniciar um contacto adicional ou uma entrevista, primeiro pesquise a empresa usando o Google. Se for uma empresa real, deve encontrar informações sobre ela. No entanto, um site ou informações mais precisas sobre a empresa não garantem seriedade ou autenticidade. No entanto, se não conseguir encontrar nada, a oferta de emprego provavelmente é falsa.

Muitos burlistas já chegam ao ponto de usar indevidamente nomes de empresas reais e atrair a atenção através de sites falsos. Nestes casos, apenas pequenas, mas subtis diferenças, por exemplo, no nome da empresa, são visíveis. Portanto, leia com atenção e pesquise possíveis duplicações de sites.

5 – Requisito de Informação Confidencial

Alguns burlistas que publicam anúncios de emprego falsos na Internet pedem às vítimas os dados bancários ou as informações de que precisam para transferir dinheiro. Além disso, muitos exigem que abra uma nova conta bancária e envie os dados. Outros cometem roubo de identidade usando o seu NIF ou informações pessoais, como uma cópia do seu cartão de identificação.

[su_note note_color=”#ff7883″]Nunca envie nada confidencial sem uma entrevista física e sem verificar que a empresa existe realmente!
[/su_note]

6 – Aquele Mau Pressentimento

A última dica é simples, embora mais clara: a sua intuição. Quando tiver uma premonição ou se sentir desconfortável, confie na sua intuição. A melhor pesquisa às vezes pode ser enganosa quando os golpistas encenam as suas ofertas de trabalho falsas quase perfeitas.

Se a sua intuição não for boa, faça perguntas aos supostos recrutadores e preste muita atenção às respostas. Também deve levar o seu tempo e não apressar nada. Se você descobrir uma fraude, denuncie à polícia.

Conclusão

Como viu, as ofertas de emprego falsas na Internet fazem parte da vida quotidiana. Independentemente de se tratar de roubo de dados ou lavagem de dinheiro – não há limites para o crime na Internet. Por esse motivo, deve se proteger o melhor possível e não se esquecer de seguir as dicas e sugestões mencionadas acima ao procurar um emprego.

Leia Também: Entrevista de Emprego Online – 8 Dicas para Ter Sucesso