Como utilizar o Marketing Pessoal para atrair recrutadores

Share on email
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
marketing pessoal

Ter a possibilidade de aumentar o número de clientes no seu restaurante é o sonho de todo empreendedor que trabalha nesse mercado.

Afinal, quem não gostaria de ter mais clientes batendo na sua porta e aumentando seu faturamento, não é mesmo?

O que é marketing pessoal?

O marketing pessoal não deve ser confundido com o headhunting, no entanto o seu objetivo é o mesmo: atrair recrutadores para apresentar o seu currículo.

A fim de executar eficazmente um bom marketing pessoal, você precisa ter uma boa relação com os potenciais empregadores ou outras partes interessadas. 

A melhor maneira para começar é entender o que o marketing pessoal é e como ele funciona.

O marketing pessoal é o processo ou o método pelo qual você obtém a atenção daquelas partes interessadas o suficiente para levá-los a conhecer, criar e manter uma boa imagem do seu trabalho ou de assuntos relacionados a você ou à sua empresa. 

Em outras palavras, o marketing pessoal se resume basicamente a aplicar técnicas de marketing de conteúdo, que consiste em você se tornar digitalmente visível através da publicação de conteúdos relevantes sobre sua pessoa, seus projetos, suas conquistas e atividades diárias.

Como surgiu o marketing pessoal?

Em contraste com as tecnologias de comunicações modernas, como Internet, mídias sociais e smartphones, que nos permitem transmitir mensagens rápidas e praticamente instantâneas para qualquer parte do mundo, as redes de relacionamentos dificultam o processo de comunicação.

Por exemplo, com o advento da internet com tecnologias como redes sociais e mecanismos de busca, é possível que qualquer pessoa comum consiga atingir uma audiência muitas vezes maior do que custaria comunicar-se diretamente com ela face a face. 

Dessa maneira, tornou-se fácil para as pessoas criarem seus próprios empreendimentos e marcas às custas desses recursos disponibilizados pelas novas tecnologias. 

Porém, como comunicar-se com tantos espectadores de uma só vez antes era muito difícil e comum, geralmente nascemos com um conjunto limitado de recursos para nos comunicarmos com as pessoas.

A publicação de conteúdos relevantes sobre você ou seus empreendimentos é puramente o marketing pessoal. 

Com isso, você está fazendo com que outras partes interessadas tenham conhecimento desses conteúdos e criem uma boa imagem sobre você com base nisso.

 Quais as vantagens de fazer marketing pessoal?

As vantagens de fazer marketing pessoal são várias, mas vale ressaltar que isso vai te ajudar em muitos aspectos e vai melhorar infinitamente sua vida profissional.

Existem uma série de vantagens, sendo as principais:

  1. Você vai ampliar sua audiência 

Como você vai publicar vários conteúdos, fotos e vídeos sobre você ou seus empreendimentos, vai acabar atraindo pessoas que não conhece para estarem mais perto de você. 

A partir daí, vai criar uma rede de amigos/seguidores que antes desconhecia. Além disso, quando alguém buscar por sua marca e horóscopo (descrição da sua personalidade) vai encontrá-lo.

      2. Você vai melhorar o seu currículo 

Com o Marketing pessoal vai melhorar a forma com que você é visto pelas empresas e isso vai influenciar positivamente no seu trabalho. 

Isso porque todo mundo procura alguém que possua recursos relevantes para atender às suas necessidades, para fazer um mapa do talento primário da sua empresa.

Quando você mostrar esses recursos por meio de conteúdos e vídeos vai reforçar essa forma de ver.

      3.   Você vai conhecer mais pessoas e fazer networking

Com o Marketing pessoal vai ganhar vários contatos, tanto em redes sociais, como e-mail. Esses contatos vão influenciar na hora da busca por um novo emprego. 

Ainda, vai criar uma rede profissional que vai lhe ajudar futuramente quando for preciso alguma estratégia para atrair bons candidatos para a sua organização ou seja, vai abrir várias portas para o mercado de trabalho.

       4.   Você vai se destacar da maioria

Estar em uma vantagem competitiva significa que você vai ficar acima de todos os candidatos da mesma posição no mercado de trabalho, entre outras vantagens. 

Com o Marketing pessoal você atrai recrutadores, que vão olhar para sua marca e ver que você é um candidato muito melhor do que qualquer outro com a mesma vaga disponível naquele momento.

Quais as principais estratégias para fazer um bom marketing pessoal?

Para te ajudar em quais estratégias fazer, vamos explicar quais são elas em linhas gerais:

  • Publicações

A forma mais básica de se fazer Marketing pessoal é através da publicidade. Você vai criar conteúdos relevantes para sua marca e colocá-los à disposição do grande público, pois de acordo com o profissional de marketing digital Isael Oliveira, conteúdo é a grande moeda de troca do século XXI. Independente se a produção de conteúdo acontecer em redes sociais, blogs ou outros canais de Marketing.

  • Conteúdo relevante para quem?

A resposta é simples: quando você publica conteúdos sobre si mesmo ou seus empreendimentos, esses conteúdos precisam estar relacionados àquilo que sua audiência gosta e busca. 

Seja alguma informação de caráter generalista (exemplo: como lidar com uma situação) ou alguma informação mais específica. 

É importante que quando você publicar conteúdos relevantes para sua audiência, esses conteúdos pessoais sejam quase desconhecidos ou quase imperceptíveis pelo grande público (não queremos que alguém ache um texto onde é escrito claramente quem somos e por aí vai), mas sim quero que apareça em detalhes quais são nossas principais características de personalidade.

  • Mais conteúdos, mais recrutadores atraídos

Com o passar tempo quando alguém quiser saber quem é você vai encontrar todas essas informações de maneira organizada (você e sua marca) e será possível desenvolver uma relação com quem te conhecer. 

E quando queremos desenvolver uma relação com quem nos conhece temos que pensar num benefício para ambas as partes envolvidas. 

Isso significa que quando alguma empresa quiser contratar você, ela vai encontrar todos os dados de como chegar até você e quais são suas principais características de personalidade.

Lembrando que quando fizer marketing pessoal (ou quando for postar qualquer tipo de conteúdo) é importante que seu objetivo seja construir um relacionamento com sua audiência. 

Portanto, o primeiro passo para fazer marketing pessoal é ter uma lista de contatos bem definida. Isso significa que quando você quiser divulgar algo para todos os contatos, vai querer obter um retorno e quando quiser fazer propaganda de livros, curso ou outros produtos vai querer vender.

E aí, já tinha ideia de quão importante é fazer marketing pessoal para melhorar as chances de conseguir bons empregos por recrutadores?

Compartilhe abaixo sua opinião 🙂

Alguma dúvida? Diga-nos abaixo.

Deixe um Comentário